Educação nas Empresas

O livro, Educador corporativo, é o resultado da experiência e do anseio de um grupo de profissionais com a atuação destacada no mundo corporativo como instrutores internos e como consultores no desenvolvimento de pessoas. Diante da lacuna, ainda existente, na formação de instrutores internos, chamado pelos autores de educadores corporativos, e da necessidade de qualificação didático-pedagógica para assumir com mais efetividade o papel de líder, o livro apresenta importantes contribuições para o conhecimento organizacional.Além de relatos de anos de experiência, os autores apresentam conceitos, metodologias e técnicas. Tais discernimentos configuram uma valiosa ferramenta para auxiliar os profissionais da área de gestão de pessoas e aqueles envolvidos no processo de formação de educadores qualificados para planejar e conduzir as ações corporativas.

São nove capítulos. A partir de hoje abordaremos cada um deles, para que os leitores tenham uma visão ampla do benefício do seu estudo e das possibilidades de aplicação das recomendações e técnicas nas organizações.

Para a organizadora do livro, Sônia Goulart, o educar deve ser praticado de maneira integral: mente, corpo, coração e alma, pois é preciso conceber a educação de maneira ampla e irrestrita. Ela acrescenta que o centro do processo educativo é ser agente facilitador de aprendizagem, o educador corporativo.

O primeiro capítulo, A educação nas empresas, escrito por Evaldo Bazeggio, trata da preocupação das empresas com a educação organizacional. Destaca que no século passado a educação deixou de ser uma questão exclusivamente de Estado e passou a ser incorporada nos pilares do diferencial competitivo.

Dessa forma, as organizações perceberam a importância do cuidado constante com o desenvolvimento das competências, habilidades e posturas, ao invés de focar apenas na capacitação técnica. No trecho a seguir Evaldo Bazeggio pontua claramente a questão. “Para as organizações é preciso um grande esforço no sentido de manter equipes atualizadas em conhecimentos, habilidades, atitudes e saberes necessários à prática do cotidiano e, principalmente, voltados para a descoberta das oportunidades do amanhã”.

Isso reforça cada vez mais a importância da educação corporativa. Para que essa medida seja adotada pelas empresas, são necessárias iniciativas internas de desenvolvimento de pessoas, e consequentemente, o resultado primordial é a superação das dificuldades e deficiências do mercado, além do fortalecimento do posicionamento empresarial competitivo.

Por que implementar a educação corporativa?

Por estarem diante do novo cenário do mercado, as empresas buscam por maior competitividade mercadológica, por profissionais mais capacitados e qualificados, por manutenção de quadro humano, por redução de custos e gastos desnecessários, entre outros aspectos. Com isso, nasce um novo paradigma em relação à gestão de pessoas e ao processo administrativo: manter os funcionários dentro das organizações.

Contudo, a globalização e o mercado competitivo exigem das organizações a conscientização quanto à necessidade de se investir na qualificação de seus colaborados e parceiros. Esse passa a ser o objeto central da criação e do desenvolvimento empresarial, resultando num diferencial competitivo agregado as empresas que adotam a educação corporativa. Por essa razão, não se trata mais de modismo na área de gestão empresarial. O processo de educação corporativa permanente é um sistema que realmente possibilita a sustentação de uma atuação estratégica e bem-sucedida no mundo corporativo.  Isso vale também para o governo, que precisa gerar resultados sustentáveis.

“A educação corporativa deve estar focada em desenvolver essas novas tecnologias geradoras de competências e não se limitar a atender às demandas, mesmo aquelas mais sofisticadas do planejamento estratégico, essa situação diferenciada deve estar presente em todos os processos, como, por exemplo, na seleção, que, de forma similar aos vestibulares, procura identificar o potencial que depois será lapidado e poderá contribuir como resultados nos níveis exigidos pelo nosso tempo”, trecho do primeiro capítulo que sintetiza bem o motivo de incorporar a educação corporativa nas empresas.

 

 

Livro - Educação nas Empresas - gestao-de-pessoas

O livro é um guia para todos aqueles que têm o desafio de preparar profissionais competentes dentro das empresas.

Já está à venda! Compre conosco na Bazeggio Consultoria.

Mais informações no telefone: (61) 3963-1983

Se você gostou deste conteúdo e quer receber mais informações sobre gestão de pessoas em seu email, cadastre-se abaixo

Seja o primeiro a saber de todas as nossas novidades

Evaldo Bazeggio

Diretor Fundador e Diretor Técnico da Bazeggio Consultoria. Executivo com mais de trinta anos de experiência em gestão de equipes e organizações públicas e privadas. Certificado internacionalmente Master Coach ISOR® em Coaching, Mentoring e Holomentoring®. Consultor de estratégia, desenvolvimento organizacional e de pessoas, em organizações.

Deixe uma resposta

Fechar Menu
×

Carrinho