No post anterior, mostrei como através de competência e método, o líder pode reduzir os riscos de não ter informações sobre sua equipe e organização, desmistificando a ideia de que é impossível ter controle de tudo o que acontece sob a sua liderança.

Nesta sequencia, vou compartilhar quais ferramentas são indispensáveis para o LÍDER SABER TUDO sobre os projetos que estão no seu comando;além de competente ele precisa adotar estas ferramentas.

O líder terá pleno conhecimento do que está acontecendo no seu negócio, projeto e equipe se ele estiver atento a três ferramentas indispensáveis:

  • Definir metas e objetivos (Meta Start)

Não é possível acompanhar sem metas, pois as equipes ficam sem direção.

  • Implementar a estratégia: plano de ação (5W2H)

O que executar, quem executar, como, qual o custo, qual prazo?

  • Controlar a estratégia: Mensuração e monitoramento dos resultados (KPI)

É necessário utilizar indicadores estratégicos que sejam capazes de medir a efetividade das ações estabelecidas.

Neste momento (2021) eu trabalho em uma organização que adota planos setoriais e com definição de objetivos e temos a cada 6 meses realizado observações dos resultados.

METAS

O que é necessário entender sobre metas:

  1. A meta tem que ser específica, não pode ser genérica. Ex: Vacinar 70% da população até o dia 04 de julho
  2. Tem que ser mensurável – Aqui muitos líderes erram, pois não se pode mensurar o que não se mede; se aquilo que é definido não pode ser mensurável, fica impossível saber se está acontecendo.
  3. Atribuíveis a alguém – É preciso ter comunicação clara para que a equipe conheça o plano e cada passo a ser tomado.
  4. Relevante
  5. Relacionada ao tempo

Durante meus mais de 40 anos de gestão, mentoria, treinando líderes e equipes na gestão pública e privada, eu aprendi que existem técnicas que funcionam melhor para metas, mais do que outras, são elas:

  • Metas específicas e desafiadoras levam a um desempenho melhor.
  • O feedback funciona e incrementa o progresso;
  • Ordenar as metas por prioridade;
  • Compensar o alcance;
  • Desenvolver o plano de ação;

Desafiar a equipe é importante, mas cuidado para não colocar metas arrojadas demais que não possam ser atingidas.

Gestores públicos e privados erram no momento de atribuir objetivos e metas, principalmente quando este objetivo e meta fica no ar, sem uma comunicação clara sobre ele.

Exemplo:

Objetivo genérico: Construir creches

Objetivo correto: Criar 60 vagas em creches em doze meses

Apenas atingir o objetivo (construir creches) pode não entregar o que a população necessita. O líder precisa saber como tangibilizar, concretizar esta entrega.

Veja também … Competência e Método para o Líder sabe tudo o que acontece.

Em Breve … Medidas Práticas para saber tudo o que está acontecendo.

 

Seja o primeiro a saber de todas as nossas novidades

Se você gostou deste conteúdo e quer receber mais informações sobre gestão de pessoas em seu email, cadastre-se abaixo



    Deixe um comentário